Data: 05/12/2021 21:58 / Autor: Redação ABCdoABC / Fonte: Estadão Conteúdo

Luccas Claro assume falhas e Fred fica irritado por futebol apático do Fluminense

O artilheiro Fred, que no segundo tempo foi substituído por Bobadilla, ficou inconformado com o fraco futebol do time


Fred
Fred

Crédito: Lucas Merçon/FFC

A derrota do Fluminense para o Bahia por 2 a 0, neste domingo, na Fonte Nova, pela 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro, adiou o sonho da conquista de uma vaga para a Copa Libertadores de 2022. O zagueiro Luccas Claro assumiu a culpa pelas duas falhas cruciais e o atacante Fred criticou o time por sua postura apática.

"Nós temos que assumir os erros que nos atrapalharam. A bola tocou na minha mão, no lance do pênalti, e depois não consegui matar a bola no peito. São falhas que comprometeram, embora a gente pudesse ir melhor se tivéssemos saído na frente no placar", reconheceu Luccas Claro, que acha melhor pensar na despedida diante da Chapecoense, no Maracanã, na próxima quinta-feira, pela 38.ª rodada.

"Temos que levantar a cabeça e esquecer a derrota. Temos que por a cabeça neste jogo com a Chapecoense porque precisamos da vitória", comentou.

O artilheiro Fred, que no segundo tempo foi substituído por Bobadilla, ficou inconformado com o fraco futebol do time, principalmente no primeiro tempo. "Nós não jogamos, simplesmente não competimos. Não fizemos nada. No intervalo a gente se fecha e tenta comentar os erros. Mas, vamos comentar o que? Vamos assistir ao jogo? O que vamos fazer?" disparou o atacante, inconformado com a falta de concentração para um time que briga por uma vaga na Copa Libertadores de 2002.

Mesmo com a derrota, o Fluminense segue na briga. Soma 51 pontos, dois a menos do que o Red Bull Bragantino, com 53, em sexto lugar. Mas para o jogo de despedida, o time carioca vai ter vários desfalques por suspensão. Yago Felipe, Wellington e Fred receberam o terceiro cartão amarelo, enquanto que Manoel acabou expulso.

Comente aqui