Data: 15/10/2021 15:22 / Autor: Redação / Fonte: Bianchini Rally

Fabrício Bianchini/Daniel Bender formam dupla para o Rally Serra Azul

Bianchini Rally disputará a prova do Brasileiro de Rally Baja com dois UTVs e quatro motos


Crédito: Marcelo Machado / Fotop

Este fim de semana, 16 e 17, a Bianchini Rally volta a se reunir no grid, desta vez, do Rally Serra Azul, prova de rodada dupla do Campeonato Brasileiro de Rally Baja. Serão dois dias de disputa com duas voltas de 60 km (trechos cronometrados) na região de Pardinho, interior de São Paulo. A equipe estará com dois UTVs e quatro motos e entre as novidades o piloto Fabrício Bianchini fará dupla com Daniel Bender, com uma trajetória nas duas rodas que estreará nos UTVs e é o sócio-diretor da HUPI, patrocinador da equipe. Além deles, um novo piloto chega ao time, o campineiro Raí Cruz, que também vai competir nos UTVs pela categoria UT3. Já nas motos estão Luiz Fernando Nutti, o “Acoxa”, líder na Over 45 no campeonato; na categoria Moto 2 estarão Guto Bogo e Rodrigo Montemor, e Sergio Souss (Moto Regional).

“Pretendemos nos divertir e será mais que uma ação com o patrocinador, pois Bender e eu nos conhecemos há alguns anos do Sertões. No sábado eu piloto e ele navega e, no domingo, ele assume a pilotagem”, explica Bianchini. “Além disso vamos receber um novo piloto, o Raí, que é muito bem-vindo à equipe e estará em várias provas com a gente.”

Bender ganhou a primeira moto aos 4 anos e família tem uma ligação forte com o off-road. Começou a competir aos 14 anos de Mountain Bike (Cross Country e Downhill) e durante quase 20 anos participou de campeonatos e conquistou vários títulos de campeão brasileiro e catarinense. Já participou de um Sertões de moto, em 2017, quando subiu ao pódio e também fez provas de enduro FIM e, agora, vai encarar esse desafio. “Resolvi aceitar o convite do Fabrício. No Cross Country fiz duas provas (Rally das Neves e o Sertões) mas essa será minha estreia no Baja. Quero aprender e me divertir e quem sabe pode ser um esquenta para competir nos UTVs futuramente?”, afirma empresário que está longe das competições há seis anos e não vê a hora de acelerar.

Cruz é médico ortopedista e, por influência do pai, é apaixonado por automobilismo desde a infância, com quem competiu como navegador na Mitsubishi Cup entre 2011 e 2015. Depois se afastou do off-road e começou a pilotar kart, modalidade que pratica até hoje. No ano passado começou nos UTVs e se apaixonou. “Fiz um test-drive e decidi que voltaria ao rali e comprei um Can-Am Maverick X3, com apoio da minha esposa, e fiz algumas provas. Estou muito feliz e com boas expectativas para buscar um bom resultado no Rally Serra Azul. Há competidores bem experientes na categoria mas vou batalhar para subir ao pódio”, afirma o piloto de Campinas (SP).

Comente aqui