Data: 25/07/2015 12:34 / Autor: Redação / Fonte: Elaine Lewis

Coral do Icesp de pacientes do sem laringe alerta sobre o câncer de cabeça e pescoço

Ação chama a atenção da população para a importância do diagnóstico precoce da doença


Esse não é o do Icesp mas é interessante ouvir/ver O Coral Inesperado - A.C.Camargo Cancer Center

Quem passar pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) no dia 27 de julho, próxima segunda-feira, terá a oportunidade de conhecer um coral fora do comum. Formado por pacientes laringectomizados (sem a laringe), o grupo se apresentará no local para alertar a população sobre o Câncer de Cabeça e Pescoço. A ação faz parte da campanha de conscientização “Julho Verde” aderida pelo hospital e liderada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (CCP) com o apoio da Merck Serono, divisão biofarmcêutica do Grupo Merck.

O coral do Icesp reúne 30 pacientes submetidos à cirurgia de retirada da laringe, após diagnóstico de câncer na região das cordas vocais. Eles aprenderam a se comunicar utilizando a “voz do esôfago”, que substitui a voz laríngea usando a via digestiva para produzir sons. O grupo cantará “Trem das Onze”, composição de Adoniran Barbosa, junto à equipe de fonoaudiólogos e demais profissionais da equipe multiprofissional do Instituto.

O CCP é doença caracterizada por tumores na fossa nasal, nos seios paranasais, na nasofaringe (atrás da cavidade nasal), na boca, na orofaringe, na laringe e na hipofaringe. Anualmente, são diagnosticados cerca de 600 mil novos casos no mundo[i]. No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, em 2015, o número de novos casos deve ser superior a 19 mil[ii].

A campanha Julho Verde

Idealizada e realizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço – SBCCP, a Campanha Nacional de Prevenção do Câncer de Cabeça e Pescoço "Julho Verde" promove ações de conscientização da população para os principais fatores de risco da doença: o cigarro e o álcool.

Quando associados, o consumo dessas substâncias multiplica em até 20 vezes a possibilidade de uma pessoa saudável desenvolver algum tipo de câncer de cabeça e pescoço. Nos últimos anos também tem crescido a incidência da doença por HPV, que pode ser prevenido com a prática de sexo seguro.

O CCP é três vezes mais frequente em homens do que em mulheres, principalmente acima de 50 anos, sendo o quarto tipo de câncer entre homens nas regiões Sudeste e Nordeste[ii].

Serviço:                                                                                                          

Coral do Centro de Reabilitação do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo

Quando: 27 de julho (segunda-feira), às 9h

Onde: no hall de entrada do Icesp – Av. Dr. Arnaldo, 251, Cerqueira César

Gratuito

O Vídeo acima não é o do Icesp, mas é interessante ouvir/ver o coral  formado por pacientes com câncer de laringe

Comente aqui