Data: 06/07/2022 14:26 / Autor: Redação ABCdoABC / Fonte: Estadão Conteúdo

Boris Johnson descarta convocar eleição antecipada, sugerida por oposição

Governo passa por um momento de várias baixas e dúvidas sobre a capacidade do primeiro-ministro


Crédito: Reprodução

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, descartou nesta quarta-feira, 6, convocar eleições antecipadas, mesmo em momento de várias baixas em seu governo e dúvidas sobre sua capacidade de seguir no posto. Durante audiência no Comitê de Articulação da Câmara dos Comuns, Johnson rechaçou a proposta de um integrante da oposição do Partido Trabalhista, argumentando que a população não deseja agora os políticos concentrados em uma eleição.

Durante grande parte da audiência, o debate não tem girado em torno da crise política no governo, mas na condução de algumas questões, como a guerra na Ucrânia - Johnson reafirmou o apoio ao país na luta contra a Rússia. Questionado sobre a possibilidade de que renuncie, Boris Johnson disse que não está na audiência de hoje para discutir o que já falou mais cedo ao pleno do Parlamento. Johnson havia afirmado mais cedo que pretende seguir como primeiro-ministro.

Comente aqui