Data: 06/03/2021 12:10 / Autor: Redação ABCdoABC / Fonte: Estadão Conteúdo

Bolsonaro indica que vai enviar projeto para ampliar atividades essenciais

Segundo o presidente, caberá à Câmara dos Deputados definir a lista de atividades essenciais, nova investida para enfraquecer as medidas de isolamento adotadas por governadores e prefeitos


Bolsonaro com apoiadores em Goiás
Bolsonaro com apoiadores em Goiás

Crédito: Alan Santos / PR

Em mais uma investida para enfraquecer as medidas de isolamento adotadas por governadores e prefeitos em meio ao colapso do sistema de saúde no auge da pandemia da covid-19, o presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira, 5, que mandou preparar um projeto de lei para enviar ao Congresso e ampliar a lista de atividades essenciais.

Essa história do ‘ficar em casa’, para quem tem dinheiro, tudo bem. O pessoal muitas vezes trabalha hoje para comer amanhã, ou comer à noite. Eu falei ontem o que é atividade essencial. Mandei preparar um projeto nesse sentido”, disse Bolsonaro a apoiadores, ao chegar ao Palácio da Alvorada. As atividades essenciais não podem ser interrompidas nem mesmo durante o lockdown.

Segundo o presidente, caberá à Câmara dos Deputados definir a lista de atividades essenciais. “A Câmara é quem vai decidir. Atividade essencial é toda aquela necessária para o chefe de família levar o pão para casa. Por que o cara que é encanador, por exemplo, não é essencial? Ele vai levar o que pra casa?”, perguntou.

Comente aqui