Data: 15/10/2021 10:51 / Autor: Redação / Fonte: Sebrae-SP

XI edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor está com inscrições abertas

Ao completar 20 anos de existência, a premiação reconhece boas práticas dos gestores municipais de todo o país em prol do desenvolvimento territorial e fortalecimento dos pequenos negócios


Prêmio Prefeito Empreendedor - 2019
Prêmio Prefeito Empreendedor - 2019

Crédito: Divulgação/Sebrae-SP

Os prefeitos de todo o país foram convocados, nesta quinta-feira (14), a participarem da XI edição do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor. O lançamento da premiação marca os 20 anos de existência da iniciativa, que desde 2001, destaca o papel dos gestores públicos comprometidos com o desenvolvimento socioeconômico dos municípios, a partir de projetos e ações que estimulam a formalização, o crescimento e a competitividade dos pequenos negócios. As inscrições já estão abertas neste link e seguem até 04 de fevereiro de 2022.

Durante o lançamento da iniciativa, o presidente do Sebrae, Carlos Melles, ressaltou que o Prêmio Prefeito Empreendedor, bem como o Programa Cidade Empreendedora, valorizam a gestão municipal. “São ações do Sebrae que elevam muito a percepção e a visão do desenvolvimento municipal, trazendo a transformação e o entusiasmo necessários para dar uma vida nova às cidades brasileiras”, avaliou.

Por sua vez, o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick, lembrou que o Prêmio tem sido um instrumento valioso para identificar prefeitos e prefeitas que enxergam nos pequenos negócios aliados para promover o emprego, a renda, a inovação e o desenvolvimento econômico por meio do empreendedorismo. “Hoje é claro que os governos têm um papel muito positivo para criar as condições, encorajar, motivar e articular parcerias estratégicas”, observou.

O empreendedorismo também inclui os empreendedores do setor público que fazem uma gestão de excelência, conforme pontuou o diretor de Administração e Finanças do Sebrae, Eduardo Diogo: “Queremos celebrar a inventividade, a criatividade, a imaginação de todos os prefeitos que vão aplicar sua competência para tornar aquilo que pensaram em algo concreto e tangível”.

Na ocasião, o secretário adjunto do Ministério da Economia, Bruno Portela, reforçou o compromisso do Governo Federal para fomentar uma governança voltada à melhoria do ambiente de negócios, transformação digital e desburocratização. “O empreendedorismo nos municípios é a chave para movimentar a economia local que vai fazer o Brasil avançar”, declarou.

Desafios do governo empreendedor

O evento de lançamento do XI Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor teve a participação do professor e palestrante Fernando Schüler, especialista em análise política com ênfase nas áreas de políticas públicas, história e filosofia política. Ele refletiu sobre a evolução da gestão pública brasileira das últimas décadas e os desafios do governo empreendedor. Segundo ele, não existe uma cartilha básica para definir o que faz um gestor empreendedor, mas é possível perceber que é alguém que rompe com o padrão tradicional da gestão pública.

“Não é o prefeito que se coloca em uma posição de receber a demanda da sociedade e responder com a prestação do serviço, mas sim um prefeito que migra para um novo modelo em que a prefeitura é um catalisador de energia e de recursos que vão além do orçamento municipal e estão disponíveis no mercado, na sociedade, a partir de parcerias com outros atores externos que contribuem para o desenvolvimento”, explicou Schüler.

Saiba mais

Criado em 2001, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor (PSPE) já realizou 10 edições, incluindo cerca de 10 mil inscritos, com 918 projetos vencedores estaduais e 94 projetos vencedores nacionais. Foram mais de 600 municípios premiados em todo o Brasil. Levantamento feito pelo Sebrae na última edição identificou que 70% dos prefeitos vencedores foram reeleitos e que os municípios empreendedores são os que mais geram empregos.

Nesta XI edição do PSPE, podem ser inscritos projetos em oito categorias: Desburocratização, Sala do Empreendedor, Compras Governamentais, Empreendedorismo na Escola, Marketing Territorial e Setores econômicos, Inovação e Sustentabilidade, Cooperação e Governança Regional e Cidade Empreendedora.

Mais informações e o regulamento podem ser acessados aqui.

Comente aqui