Data: 09/08/2020 17:19 / Autor: Kreitlon Pereira / Fonte: Via Streaming

Via Streaming - “O Maior Assalto” - A origem da fortuna

Nova série da Netflix retrata os bastidores do maior assalto a um banco emissor da história


Com o fenômeno espanhol “La Casa de Papel”, muitos espectadores passaram a se questionar como ninguém nunca pensou em assaltar um órgão emissor de dinheiro. Apesar de intrigante, a ideia não é uma exclusividade do programa, pois até o Banco Central de Fortaleza sofreu um ataque parecido. No entanto, um assalto se destaca entre os demais, e é exatamente sobre ele que se baseia a nova série da Netflix. “O Maior Assalto”, com estreia marcada para 14 de agosto.

No dia 17 de outubro de 1994, catorze assaltantes escondidos num caminhão ingressaram no Banco da República colombiano e roubaram 24.072 milhões de pesos sem disparar um tiro sequer. O episódio entrou para história como o roubo do século, pois até hoje nunca se foi roubado tanto dinheiro de um banco emissor. Como os ladrões só levaram notas de baixo valor, antes mesmo das autoridades agirem o dinheiro já estava em circulação, o que levou o país ao caos financeiro e obrigou o governo a mudar o desenho das notas para o usado atualmente. 

Ao decorrer das investigações, descobriu-se que dentre os responsáveis haviam ladrões profissionais, um especialista em eletrônicos, quatro membros da Polícia, o gerente de um banco agrário, o dono de uma loja de colchões e três funcionários do próprio banco. Ao todo, estima-se que 26 pessoas participaram de forma direta ou indireta do crime, cujo planejamento durou oito meses e contou com estudos minuciosos das instalações do banco, de seu sistema de segurança e até a importação de soldas especializadas do Canadá.

Com o tempo, a maioria dos assaltantes foi descoberta pela Receita Federal colombiana, pois passaram a gastar desenfreadamente. Outros se entregaram e vários foram assassinados. Até hoje apenas um deles fala abertamente do assunto, Elkin Susa, principal financiador do roubo. Em suas entrevistas, ele revelou que, do grupo original, ainda restam três ou quatro com vida e fora do alcance das autoridades.

Crédito: Divulgação

Comente aqui