Data: 11/04/2013 13:56 / Autor: Redação / Fonte: Iamspe

Servidores estaduais serão vacinados contra a gripe

Posto de vacinação no Hospital do Servidor Público Estadual, na capital paulista, aplicará doses gratuitamente a partir de segunda-feira, dia 15


 

O Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe) irá disponibilizar gratuitamente a vacina contra a gripe para pacientes, funcionários da instituição e servidores estaduais de todas as Secretarias que façam parte do público-alvo definido para a campanha de vacinação que começa na próxima segunda-feira, dia 15 de abril.

O posto de vacinação do Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE), situado no segundo andar do prédio dos ambulatórios (rua Borges Lagoa, 1.755), irá funcionar das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, até o próximo dia 26. É recomendável levar a carteira de vacinação.

O Dia D da campanha ocorrerá dia 20, um sábado, quando o atendimento será no andar térreo da Borges Lagoa.

Durante a campanha, idosos com 60 anos ou mais, gestantes, crianças a partir de 6 meses e menores de 2 anos, indígenas, pacientes diagnosticados com doenças crônicas e profissionais de saúde estaduais devem receber uma dose da vacina. Além do HSPE, haverá cerca de 6.000 postos de vacinação oferecendo a dose no Estado, entre unidades fixas e volantes.

A novidade desta campanha é a inclusão de mulheres que deram à luz até 45 dias e presidiários.

Além de imunizar a população contra a gripe A H1N1, tipo que se disseminou pelo mundo na pandemia de 2009, a iniciativa também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus: A H3N2 e B.

A Secretaria de Estado da Saúde, que coordena a campanha no Estado de São Paulo, pretende imunizar cerca de 7 milhões de paulistas durante a campanha. O número correspondente a 80% dos 8,7 milhões de pessoas incluídas no público-alvo.

“É muito importante que as pessoas definidas no público-alvo da campanha procurem um posto de saúde para se proteger contra o vírus da ‘Influenza’, prevenindo complicações como pneumonias”, afirma a infectologista Dra. Heloisa Pedrosa Mitre, responsável pelo setor de vacinação do HSPE.

Comente aqui