Data: 05/06/2019 10:27 / Autor: Redação / Fonte: EMTU/SP

Programa Conscientizar da EMTU/SP completa uma década

Na data em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente, 5 de junho, iniciativas e programas da EMTU/SP se destacam quando o assunto é sustentabilidade ambiental aplicada ao transporte


Responsável pelo gerenciamento das linhas intermunicipais de ônibus nas regiões metropolitanas do Estado, a EMTU/SP criou o programa “Conscientizar” que, há dez anos, avalia a emissão da fumaça preta emitida pelos ônibus. Agentes de inspeção orientam as concessionárias e permissionárias sobre a necessidade de manter os motores dos ônibus regulados.

Na Região Metropolitana de São Paulo, nos últimos nove anos foram analisados mais de 40 mil ônibus e a média de aprovação foi de 80%. Na Baixada Santista a aprovação foi de 93% para a frota total de 8,5 mil coletivos. Na Região Metropolitana de Campinas foram verificados quase 14,5 mil veículos com 83% de aprovação.

Placas solares em corredor metropolitano – Na Região Metropolitana de Campinas, onde gerencia o transporte intermunicipal em 20 municípios, a EMTU/SP está implantando o Corredor Metropolitano Biléo Soares com tecnologia ambientalmente sustentável.

Entre outubro e dezembro do ano passado foram instaladas placas de captação de energia solar em 20 Estações de Embarque do Corredor Biléo Soares, em Americana e Santa Bárbara D’Oeste. As placas são conectadas com a rede da CPFL gerando ao Estado um crédito em energia. Nos três últimos meses de 2018 a EMTU/SP já computou a redução de 18% no valor pago de consumo de energia. Neste ano, de janeiro a abril, a economia foi de 22%.

Reúso de água no Corredor ABD - Na estação de tratamento da concessionária Metra, responsável pela operação do Corredor ABD (São Mateus-Jabaquara), são reaproveitados 30 mil litros de água / dia, o que representa a reutilização de mais de 10 milhões de litros de água por ano. Esse número equivale a quatro piscinas olímpicas. A água de reúso é utilizada na lavagem de toda a frota de ônibus e dos 110 pontos de parada do Corredor e sua extensão.

O programa Corredor Verde da Metra, lançado em 2008, promoveu o plantio de 10 mil árvores ao longo desse sistema de transporte que possui 45 km de extensão. A região do ABD conta atualmente com diversas espécies nativas do bioma da Mata Atlântica.

O gerenciamento de resíduos também merece destaque na política ambiental dessa operadora com a destinação ambientalmente correta de materiais descartados como pneus, lâmpadas, baterias, entre outros.

VLT da Baixada Santista – A EMTU/SP gerencia a operação do VLT, moderno sistema de transporte, elétrico e silencioso, que liga Santos e São Vicente ao longo de 11 quilômetros, ajudando a preservar o meio ambiente. Mensalmente 670 mil passageiros se beneficiam com um transporte rápido, não poluente e totalmente integrado ao meio urbano.

Comente aqui