Data: 17/01/2022 16:04 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de São Paulo

Prefeitura de SP irá acelerar 24 startups das periferias

Sétima edição do Vai Tec contará também com aporte financeiro de R$ 39 mil para cada empresa vencedora


A Prefeitura de São Paulo está com inscrições abertas para o Vai Tec, processo de aceleração e mentorias para negócios inovadores das periferias da Capital. Durante a sétima edição do programa, 24 projetos receberão um acompanhamento completo, repleto de atividades e recursos financeiros, por um período de seis meses. O Vai Tec é uma iniciativa da Ade Sampa, agência vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo. As inscrições podem ser feitas até 15 de fevereiro pelo link

“Os empreendedores das periferias da cidade foram os mais afetados durante a pandemia do coronavírus e o Vai Tec chega, em sua sétima edição, para apoiar, fortalecer e desenvolver ainda mais essas iniciativas”, declara a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso. “O fomento a estes empreendedores impacta positivamente na circulação de recursos nos territórios, na recuperação econômica, na empregabilidade por meio da manutenção ou geração de empregos e na criação de novas estratégias de negócios, processo que será fundamental neste momento de retomada econômica da Capital”, complementa.

Realizado de maneira on-line, em decorrência da pandemia do coronavírus, o Vai Tec auxilia jovens a criar, desenvolver, validar e impulsionar empreendimentos inovadores e que utilizem tecnologia como parte essencial do modelo de negócio, promovendo o desenvolvimento local e a geração de emprego e renda.

Nova fase

A etapa de aceleração tem duração de seis meses e os projetos escolhidos contarão com assessorias personalizadas de acordo com a necessidade do empreendimento, além de rede de contatos e acesso a eventos, mentorias, conteúdos e recursos de parceiros do programa. Além disso, cada projeto irá receber um apoio financeiro de R$ 39.600,00.

Podem se inscrever projetos que tenham a tecnologia como parte integrante do seu escopo de conhecimentos, ferramentas e técnicas, derivados da ciência e da experiência prática, que é usado no desenvolvimento, projeto, produção, e aplicação de produtos, processos, sistemas e serviços.

Confira os tipos de tecnologia:

Tecnologia da Informação e Comunicação -- TIC: Combinação de atividades industriais, comerciais e de serviços que capturam eletronicamente, transmitem e disseminam dados e informação, bem como comercializam equipamentos e produtos intrinsecamente vinculados a esse processo.

Tecnologias sociais: conjunto de técnicas, metodologias transformadoras, desenvolvidas ou aplicadas na interação com a população e apropriadas por ela, que representam soluções para a inclusão social e melhoria das condições de vida.

Tecnologia ambiental: fornecem soluções para diminuir os influxos de substâncias, reduzir o consumo de energia e as emissões, reaproveitar os subprodutos e minimizar os problemas da eliminação de resíduos. As tecnologias ambientais objetivam regenerar e conservar o meio ambiente bem como monitorar ou reduzir os danos que o ser humano causa ao consumir os recursos ambientais.

Tecnologia de processos: conjunto de máquinas, equipamentos ou dispositivos que ajudam as operações a criar ou entregar produtos e serviços. Tecnologia de processo indireto ajuda a facilitar a criação direta de produtos e serviços.

Na seleção serão priorizados projetos de regiões localizadas nos extremos da cidade, principalmente nas zonas leste (São Miguel Paulista, Ermelino Matarazzo, Itaim Paulista, São Mateus, Guaianases, Cidade Tiradentes, Itaquera, Vila Prudente, Penha e Sapopemba), sul (Parelheiros, Capela do Socorro, M´Boi Mirim, Campo Limpo e Cidade Ademar) e norte (Casa Verde, Cachoeirinha, Freguesia do Ó, Brasilândia, Perus, Pirituba, Jaçanã e Tremembé).

Comente aqui