Data: 28/09/2021 09:14 / Autor: Redação / Fonte: Itaú Cultural

Palco Virtual do Itaú Cultural no YouTube exibe a peça Terra Medeia

O espetáculo, que traz para o mundo contemporâneo a tragédia escrita há quase 2.500 anos por Eurípedes, é disponibilizado nesta programação a partir do fim de setembro


Terra Medeia
Terra Medeia

Crédito: Andréia Machado

Terra Medeia, com texto da dramaturga sueca Sara Stridsberg, entra em cartaz no Palco Virtual do Itaú Cultural no YouTube em 27 de setembro (segunda-feira) e permanece disponível até 17 de outubro (domingo) no canal da instituição www.youtube.com/itaucultural. Trata-se do registro da peça realizada em maio, on-line e ao vivo. Uma parceria entre a diretora, também sueca, Bim de Verdier e a atriz brasileira Nicole Cordery. Com exceção de Bim, o elenco é todo brasileiro formado por André Guerreiro Lopes, Daniel Ortega, Renato Caldas e Rita Grillo, além de Nicole. Em paralelo, nesta programação, segue em cartaz Despeça-te, Uma Desmontagem de OraMortem, do mato-grossense in-Próprio Coletivo.

Em Terra Medeia, Sara situa a mitológica personagem da tragédia grega na atualidade, fora do tempo e do espaço e em uma mescla de realidade e sonho. Nicole vive a personagem-título, uma imigrante abandonada pelo marido, que perde o direito de viver no país dele. Para a atriz, é importante trazer Medeia para a atualidade, neste momento em que o mundo está mergulhado em um tempo trágico. “As pessoas precisam se reunir, mesmo que de forma virtual, para chorar seus mortos, para lamentar seus destinos”, diz ela. “É impressionante como Medeia virou um símbolo da mulher no limite de sua humanidade. É uma personagem complexa. Mas pela ótica de Sara, extremamente humana”, conclui.

A peça ilustra como alguém rejeitado no amor e na sociedade pode perder o chão e se tornar perigoso. A diretora Bim de Verdier destaca a determinação da personagem em fazer de tudo para encontrar alguma solução. “Ela se revolta, quer justiça, chora e esperneia, exige sua vida de volta. Ela quer fugir do destino, mas alguém tem que ser Medeia. Medeia é sempre Medeia”, observa.

Terra Medeia é uma continuação da parceria artística entre artistas brasileiros e suecos que começou com o bem-sucedido Dissecar uma Nevasca, também de Sara Stridsberg, que Bim de Verdier e Nicole Cordery realizaram em 2015. A boa recepção da primeira parceria foi o ponto de partida para a produção deste novo trabalho juntas, com texto da mesma dramaturga e com a mesma equipe, e que foi indicado ao Prêmio APCA de Melhor espetáculo do primeiro semestre de 2021.

A autora

Sara Stridsberg é uma escritora e dramaturga sueca multipremiada e de repercussão internacional. Seus textos são traduzidos em mais de 25 idiomas. Em seus romances e peças teatrais, trata de mulheres em luta por sua liberdade e contra as condições que a sociedade impõe. Suas histórias abraçam questões existenciais, psicológicas e políticas, convidando o leitor/espectador a examinar os temas de múltiplas perspectivas.

Palco Virtual no YouTube

O Palco Virtual do Itaú Cultural no YouTube é uma proposta de diversificação da programação cênica do Itaú Cultural, exibindo registros de espetáculos montados antes ou durante a pandemia, ampliando o período de exibição. Neste canal, os espetáculos ficam em temporadas de 21 dias (sempre de segunda-feira a domingo), expandindo tanto a programação para o público quanto a luz à produção cênica. Além de Terra de Medeia, segue em exibição, até 3 de outubro, Despeça-te, Uma Desmontagem de OraMortem, do mato-grossense in-Próprio Coletivo, sobre a criação da peça OraMortem.

SERVIÇO:

Palco Virtual do Itaú Cultural no YouTube

Terra Medeia

Direção: Bim de Verdier. Elenco: André Guerreiro Lopes, Bim de Verdier, Daniel Ortega, Nicole Cordery, Renato Caldas e Rita Grillo

De 27 de setembro (segunda-feira), às 9h, a 17 de outubro (domingo), às 23h59

No YouTube do Itaú Cultural:www.youtube.com/itaucultural

Duração: 70 minutos

Classificação indicativa: 14 anos

Com Libras e legenda

Comente aqui