Data: 06/05/2020 16:28 / Autor: Redação / Fonte: Sebrae

Hackathon busca soluções tecnológicas na área de alimentação

Em sua 3ª edição, o evento acontece 100% online e conta com o Sebrae como parceiro estratégico


A USP São Carlos e a Cargil, em parceria com o Sebrae, realizam entre os meses de abril e maio, a 3ª edição do SancaThon, um hackathon no formato software hardware que busca soluções tecnológicas para problemas reais aplicáveis ao mercado. Esse ano, de olho nas transformações causadas pela pandemia da Covid 19, o evento acontece 100% online e os participantes têm como desafio encontrar soluções para ajudar empresas do Food Service de todos os portes a criar realidades e prosperar considerando os novos comportamentos dos consumidores.

“Iniciamos 2020 com mais de 1 milhão de pequenos negócios que atuam no setor de serviços de alimentação. Sustentar esses negócios é um grande desafio, por isso, o Sebrae entrou como parceiro estratégico no evento”, explica a analista de Alimentos e Bebidas da Unidade de Competitividade do Sebrae, Mayra Monteiro Viana. "Por meio da marca Compre do Pequeno, nós disponibilizamos um time de 11 técnicos do Sistema Sebrae que desde a semana passada dá mentorias e contribui com as ideias dos grupos. Além disso, disponibilizamos diversos conteúdos e entrevistas com empresários que mostram os principais gargalos enfrentados pelo setor neste cenário", continua. Três técnicos do Sebrae também participarão da banca de jurados que escolherá as melhores iniciativas.

Levantamento recente do Sebrae que ouviu 1.239 empreendedores do ramo de todo o país, revela que 43% das empresas do setor de alimentação mudaram seu funcionamento em meio às restrições para evitar a disseminação do novo coronavírus. A maioria delas (71%) está funcionando apenas para entregas ou online. Os dados mostram, ainda, que 87% das empresas deste setor apresentaram queda no faturamento em meio à crise.

A maratona começou no dia 25 de abril e, na 1ª fase, contou com a participação de 309 desenvolvedores divididos em 44 times. Na terça-feira, (5), foram revelados os 20 grupos que passaram para a próxima fase. Como exemplo de ideias que seguem na disputa estão plataformas que facilitam a conexão entre empresários e seus fornecedores, que otimizam a gestão dos estoques e que favorecem a experiência de compra dos consumidores finais.

O resultado final com os três projetos vencedores será revelado no dia 13 de maio. “Num momento como esse, é fundamental que se esteja pensando em soluções para os pequenos negócios. O Sancathon vai ajudar os empresários de pequenos negócios não só durante a crise, mas também a se remodelarem para enfrentar o período pós-pandemia”, finaliza Mayra.

Comente aqui