Data: 11/10/2019 13:11 / Autor: Redação / Fonte: Governo do Estado de São Paulo

Governo de São Paulo forma 697 sargentos no curso superior de tecnólogo

O curso iniciado em janeiro deste ano é requisito para que eles subam de patente


Governo de São Paulo forma 697 sargentos no curso superior de tecnólogo
Governo de São Paulo forma 697 sargentos no curso superior de tecnólogo

Crédito: Governo do Estado de São Paulo

O Governador João Doria participou nesta sexta-feira (11) da formatura de 697 sargentos no Curso Superior Tecnólogo de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública.

“A cerimônia de formatura de sargentos é uma ocasião muito significativa na vida destes profissionais, que estão caminhando com determinação para honrar a tradição da Polícia Militar. A melhor PM do Brasil está aqui em São Paulo, graças ao treinamento, aos oficiais, àqueles que trabalham, que lutam e vão às ruas defender a população de forma destemida”, disse Doria.

O evento, que também teve a participação do Presidente Jair Bolsonaro e do Secretário da Segurança Pública, General João Camilo Pires de Campos, foi realizado no Sambódromo do Anhembi, no bairro Santana, zona Norte da Capital.

O curso, iniciado em janeiro deste ano, foi concluído por 625 homens e 72 mulheres que já integravam a instituição e, agora, sobem para a patente de sargento. Em mais de 1.600 horas de aula, foram abordadas disciplinas como Inteligência Policial, Doutrina de Polícia Comunitária e Ostensiva, Direitos Humanos, Direito Penal e Legislação, Gerenciamento de Crises, entre outras.

Para ingresso, o policial precisava, entre outros requisitos, ser cabo ou soldado de 1ª classe, com pelo menos cinco anos de serviço, estar no efetivo exercício das funções policiais-militares e ter comportamento considerado, no mínimo, bom nos últimos dois anos. Além disso, era preciso ter sido considerado apto em inspeção de saúde e em teste de aptidão física.

Paraninfo e patrono

O paraninfo é o coronel João Silva Soares Castilho, que atualmente é o chefe do Centro de Inteligência da PM, mas atuou como comandante da Escola Superior de Sargentos entre 2015 e 2016. Ele ingressou na Academia de Polícia Militar do Barro Branco em 1984 e possui cursos de Formação e Aperfeiçoamento de Oficiais, de Policiamento Ambiental e Superior de Polícia.

O patrono da turma é o soldado Erik Henrique Ardengue, que faleceu no dia 13 de março de 2017, aos 28 anos de idade e seis na PM. Na ocasião, o praça trabalhava na 2ª Companhia do 43º Batalhão de Polícia Militar do Interior (BPM/I) e estava atendendo a uma ocorrência de roubo a carro-forte.

Crédito: Governo do Estado de São Paulo

Comente aqui