Data: 07/10/2021 21:29 / Autor: Redação / Fonte: JornadaX

Gincana da @Jornadax apresenta resultados

Um chamado emergencial dos estudantes para tirar seus colegas das sombras das telas e trazer para a luz dos encontros presenciais


Crédito: Divulgação

A Gincana da @JornadaX, ação emergencial criada para encorajar a retomada às aulas presenciais, reúne comunidade, alunos e professores, integrados através de jogos e atividades capitaneados pelos jovens. A primeira a aderir a Gincana que terá escala nacional é a Escola Cidade Hiroshima em São Paulo e vem acontecendo durante o mês de setembro e neste dia 8 de outubro terá seu grande ápice, que inclui ações na escola com dança, música, esportes, grafite, jogos de conhecimento, horta comunitária, e muito mais. E um especial com os alunos em um mutirão de limpeza no Parque do Carmo.

A Gincana da @JornadaX é o prólogo da @JornadaX (um social game que instiga jovens a se descobrirem como agentes de transformação de seus espaços) envolve todos ligados a comunidade escolar para, juntos, superarem a gigante evasão escolar e a dificuldade para voltar às aulas presenciais. Com duração inicial de um mês, está prevista para acontecer em nível nacional a partir do início das aulas em 2022 – até o momento, as secretarias de educação dos estados São Paulo, Maranhão, Pernambuco e Bahia, já se interessaram em apoiar a iniciativa. A Gincana é o ponto de partida para que os alunos continuem a integração na escola & comunidade durante mais seis meses, com a metodologia do social game Jornada X.

Os objetivos da Gincana da @JornadaX são: reduzir o abandono escolar; desenvolver novas habilidades para alunos e professores; aumentar a participação da comunidade; e contribuir para formação dos professores em pedagogias ativas que apoiem a redução dos danos da pandemia.

A mecânica dá protagonismo para que os alunos convidem seus colegas, envolvam e ampliem suas próprias conexões – não só na escola, mas em toda a comunidade –, criando pontes para que eles possam sair juntos do momento difícil e das consequências emocionais causadas pela pandemia e luto, em direção ao reencontro no espaço escolar. E, sim, com todas as exigências que os protocolos de segurança impostos pela pandemia.

Um círculo inusitado de organizações faz esse projeto acontecer e leva aos alunos, professores e comunidade a se envolverem e viabilizarem a possibilidade de sonhar com mudanças na Educação de modo ativo, lúdico e acessível. São elas: a Live Lab, idealizadora da JornadaX e responsável pela sua aplicação nas áreas educacional, social e ambiental; a ASAS.BR.COM, coletivo internacional de inteligência criativa que acelera propósitos através de conteúdos humanistas; e a Now Partners e sua irmã United for Regeneration, que juntas, mobilizam e transformam organizações e sistemas sociais para cocriar economias e sociedades regenerativas.

Comente aqui