Data: 06/03/2017 14:19 - Alterado em: 24/06/2019 14:42 / Autor: Redação / Fonte: CDN

Fundação Salvador Arena irá destinar até R$ 50 mil para ONGs

Programa da Fundação Salvador Arena destinará até R$ 50 mil para contribuir com a alimentação de assistidos por ONGs na Região Metropolitana de São Paulo e Baixada Santista


A Fundação Salvador Arena abre processo seletivo para o Programa de Alimentação Complementar para Entidades Sociais (PACES), que destinará apoio para 22 (vinte e duas) ONGs que atuam na área de Educação e Assistência Social nos municípios da Região Metropolitana de São Paulo e da Baixada Santista.

Os representantes das ONGs interessadas em participar do edital devem ler e preencher o formulário de inscrição, lista de usuários e cardápio, que estarão disponíveis no site www.fundacaosalvadorarena.org.br de 01 até 28 de junho de 2019.

Além do apoio financeiro, que será calculado com base no número de pessoas atendidas pela ONG selecionada, na quantidade de refeições oferecidas e no nível de complexidade dos serviços prestados, o PACES contempla, ainda, apoio financeiro e assessoria técnica para gestão, captação de recursos e elaboração de projetos sociais a ONGs que atuam na área de assistência social. Em contrapartida, a ONG deverá prestar contas mensais da verba repassada e das ações desenvolvidas, especialmente aquelas que evidenciem a busca por recursos para a autossustentação.

As cidades da Região Metropolitana cobertas pelo edital são Barueri, Caieiras, Carapicuíba, Cotia, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Ferraz de Vasconcelos, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Itaquaquecetuba, Mairiporã, Mauá, Osasco, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, São Paulo, Suzano, Taboão da Serra; e da Baixada Santista: Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.

Desde a criação do PACES, em 2002, a Fundação Salvador Arena já destinou mais de R$ 11 milhões para mais de 430 ONGs da Grande São Paulo. Os recursos beneficiaram direta e indiretamente cerca de 45 mil pessoas, no ano de 2018.

Comente aqui