Data: 01/07/2022 14:54 / Autor: Redação / Fonte: Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Escolas estaduais de São Paulo promovem festas juninas com muita tradição

Após dois anos de interrupção, as unidades escolares retomam festa presencial com quadrilha, comida e brincadeiras típicas e muita alegria


Crédito: Divulgação

As tradicionais festas juninas que acontecem em todo o Brasil voltaram ao calendário das escolas estaduais paulistas após dois anos com restrições devido à pandemia da Covid-19. Com muita comida típica, dança e brincadeiras, cada unidade escolar, à sua maneira, promoveu a típica festa brasileira. Confira:

Festa de Cordel

Na Escola Estadual Claudirene Aparecida José da Silva, na zona sul de São Paulo, os alunos e equipe gestora escolheram o tema do cordel para festejar. Com decoração dentro da temática, a festa foi planejada de forma interdisciplinar. As turmas estudaram a cultura das festas juninas e sua contribuição na culinária, dança, música e manifestações folclóricas.

Além das brincadeiras típicas da festa, como correio elegante, pescaria, tomba lata, argola, rabo no burro e corrida de milho, a escola também trouxe novidade com uma barraca de selfie. À noite, uma banda local se apresentou com músicas tipicamente juninas.

Festa com comédia

Em Boracéia, a festa junina da Escola Estadual Professora Edir Hellen Sgavioli Faccioli contou com a participação de cerca de 500 pessoas, entre alunos e funcionários. Além da decoração, barraquinhas de pipoca, algodão doce e comidas típicas, o evento contou com a presença da atriz e comediante Priscila Menuci com um almoço junino como encerramento da eletiva de teatro.

A comediante já tinha participado da eletiva no ano passado, quando relatou um pouco da sua vida e perspectivas na área artística, mas a visita ficou para este ano por conta da pandemia. "Os alunos ficaram bastante empolgados, essa foi a primeira festa junina presencial, e ainda teve a presença da atriz que foi muito atenciosa com todos", afirmou a diretora Andreia Scuteri.

Festa Julina

Continuando as festividades no mês de julho, o CEEJA Professor Luiz Carlos Romazzini, no Guarujá, prepara um grande Arraiá para o dia 1º. O festejo não deixa de fora nenhum elemento junino, como quadrilha, comidas típicas, barraca de doces e brincadeiras.

“É extremamente importante ofertar esse tipo de atividade curricular, principalmente na educação de jovens e adultos. O evento será aberto a toda comunidade escolar e os estudantes poderão convidar seus familiares para o nosso Arraiá. Não tenho dúvidas quanto ao sucesso da festividade, tudo está sendo preparado com muito carinho”, comentou o diretor Fabrício César Heleno Santos.

Também nesta sexta-feira (1), a Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, realiza a sua festa para os estudantes. O evento contará também com doações de cestas básicas preparadas com prendas arrecadadas pelos próprios alunos, que foram envolvidos em todo o processo da festividade julina.

Protocolos de segurança

Em acordo com as orientações das autoridades sanitárias e da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo em relação à Covid-19, os eventos seguem os protocolos de segurança, que prezam pela higienização e ventilação dos ambientes, além de disponibilizar álcool em gel.

Comente aqui