Data: 18/10/2019 16:25 / Autor: Redação / Fonte: Itaú Cultural

A cultura popular conduz shows de lançamento de disco na programação de O Tempo das Coisas

Tertúlia Visceral e FurmigaDub e Seu Bando, projetos contemplados pelo Rumos Itaú Cultural, apresentam, respectivamente, músicas inéditas


O Tempo das Coisas – Mostra Rumos 2017-2018
O Tempo das Coisas – Mostra Rumos 2017-2018

Crédito: Divulgação

Compostas pelo repentista baiano Bule Bule e pelo violonista de música nativista gaúcho Pedro Ortaça, e o show de Fabiano Formiga,

que mescla música popular nordestina com eletrônica e apresenta canções de mestres populares nunca gravados

A união de dois representantes da música popular brasileira de raiz, um baiano e outro gaúcho, e o encontro da música nordestina mesclada à eletrônica contemporânea compõem a programação de shows nos dias 26 e 27 de outubro (sábado e domingo) no Itaú Cultural. As apresentações marcam os lançamentos dos mais recentes trabalhos de Mestre Bule Bule e Pedro Ortaça e de FurmigaDub, e integram a programação de O Tempo das Coisas – Mostra Rumos 2017-2018, exposição que fica em cartaz no instituto até o dia 3 de novembro. Os ingressos para estes shows são gratuitos e podem ser reservados, com 10 dias de antecedência de cada um, pelo site do Itaú Cultural, a partir das 10h.

Tertúlia Visceral

No dia 26 (sábado), às 20h, o palco é de Tertúlia Visceral, projeto que aproximou o baiano Bule Bule e o gaúcho Pedro Ortaça, unindo dois universos, hábitos e influências, para criação conjunta de um livro-vinil com canções inéditas, com direção musical de André Magalhães. Tertúlia é um dos desdobramentos do trabalho de pesquisa em cultura popular que Carla Joner, diretora artística do projeto, realiza há mais de 10 anos. O lançamento também conta com uma projeção de vídeos e imagens dos encontros que os artistas tiveram, tanto na Bahia quanto no Rio Grande do Sul, quando se visitaram e iniciaram o processo criativo que gerou as composições.

“A ligação entre eles extrapolou o palco e se apresentou intensa durante as refeições, ensaios e camarins, deixando a equipe e músicos impressionados com o resultado artístico inusitado e rico, chegando ao ponto de trocarem convites para que um conhecesse a casa e a família do outro”, conta Carla Joner. Assim, o projeto alcançou a proposta inicial: a aproximação de cada um deles com o universo do outro, a casa e os hábitos, mostrando, sobretudo, a influência que a geografia, o povo e a cultura de cada lugar exercem sobre suas vidas e obras. Toda essa experiência estética musical é encontrada no vinil que será lançado neste dia.

FurmigaDub e Seu Bando

No dia seguinte, 27 (domingo), às 19h, o paraibano Fabiano Formiga apresenta FurmigaDub e Seu Bando, projeto que mescla cultura popular nordestina com música eletrônica contemporânea e consiste no registro da pesquisa musical que ele desenvolve há quase uma década com a cultura popular da região. Além de gravar músicas próprias, Formiga é responsável por resgatar canções de mestres nunca gravados, ajudando a preservar e difundir esses trabalhos tão únicos. Este, que também é lançado como vinil, contou com a participação dos mestres da cultura popular Anita Garybaldy, Alex Madureira, Marinho e as Caianas dos Crioulos.

No show, Fabiano Formiga interage com as obras desses mestres por meio de samples, manipulação digital e instrumentos convencionais. Antes da apresentação, são exibidos quatro minidocumentários, que registram a interação e a prosa entre ele e os mestres, revelando o processo de fusão da cultura popular com artifícios digitais utilizados pelo músico e contando a vida, o processo criativo e a importância desses mestres para as suas comunidades.

No repertório, estão canções conhecidas pelo público, como Baculejo Bar da Pólvora, de Marinho, Forró da Lomba, de Alex Madureira, Ainda Dapadá e Soletrando o Coco, ambas de Anita Garyballdi, e Tesoura e Piaba, cantadas pelo grupo de coco do quilombo Caiana dos Crioulos, liderado por Dona Edite e que tem mais de 400 anos de resistência. Todas estas foram gravadas durante as filmagens dos minidocumentários que serão exibidos ao público.

Sobre o Rumos Itaú Cultural

Um dos maiores editais privados de financiamento de projetos culturais do país, o Programa Rumos, é realizado pelo Itaú Cultural desde 1997, fomentando a produção artística e cultural brasileira. A iniciativa recebeu mais de 64,6 mil inscrições desde a sua primeira edição, vindos de todos os estados do país e do exterior. Destes, foram contempladas mais de 1,4 mil propostas nas cinco regiões brasileiras, que receberam o apoio do instituto para o desenvolvimento dos projetos selecionados nas mais diversas áreas de expressão ou de pesquisa.

Os trabalhos resultantes da seleção de todas as edições foram vistos por mais de 7 milhões de pessoas em todo o país. Além disso, mais de mil emissoras de rádio e televisão parceiras divulgaram os trabalhos selecionados.

Nesta edição de 2017-2018, os 12.616 projetos inscritos foram examinados, em uma primeira fase, por uma comissão composta por 40 avaliadores contratados pelo instituto entre as mais diversas áreas de atuação e regiões do país. Em seguida, passaram por um profundo processo de avaliação e análise por uma Comissão de Seleção multidisciplinar, formada por 21 profissionais que se inter-relacionam com a cultura brasileira, incluindo gestores da própria instituição. Foram selecionados 109 projetos, contemplando todos os estados brasileiros.

SERVIÇO:

O Tempo das Coisas – Mostra Rumos 2017-2018

SHOWS

Tertúlia Visceral

Dia 26 de outubro (sábado), às 20h

Classificação indicativa: livre?

Duração: 90 minutos

Entrada gratuita

Distribuição de ingressos:

Reserva online a partir de 16 de outubro pelo site: www.itaucultural.org.br/secoes/agenda-cultural/mostra-rumos-bule-bule-e-pedro-ortaca-lancam-disco-livro-do-projeto-tertulia-visceral.

Apresentar o comprovante da reserva (impresso ou no celular) até três horas antes do início do espetáculo

FurmigaDub e Seu Bando

Dia 27 de outubro (domingo), às 19h

Classificação indicativa: 12 anos

Duração aproximada: 90 min ?

Local: Sala Itaú Cultural

224 lugares

Entrada gratuita

Distribuição de ingressos:

Reserva online a partir de 16 de outubro pelo site:  www.itaucultural.org.br/secoes/agenda-cultural/mostra-rumos-furmigadub-lanca-disco-com-participacao-de-mestres-da-cultura-popular

Apresentar o comprovante da reserva (impresso ou no celular) até três horas antes do início do espetáculo

Itaú Cultural

Avenida Paulista, 149, Estação Brigadeiro do Metrô

Fones: 11. 2168-1777

Acesso para pessoas com deficiência

Ar condicionado

Estacionamento: Entrada pela Rua Leôncio de Carvalho, 108

Se o visitante carimbar o tíquete na recepção do Itaú Cultural:

3 horas: R$ 7; 4 horas: R$ 9; 5 a 12 horas: R$ 10.

Com manobrista e seguro, gratuito para bicicletas.

https://www.facebook.com/itaucultural

https://www.instagram.com/itaucultural/

https://twitter.com/itaucultural

https://www.youtube.com/itaucultural

https://www.linkedin.com/company/itaucultural

Comente aqui