Data: 15/08/2019 17:23 / Autor: Daniel Dias / Fonte: Agência AutoMotrix

Civic - Princípio evolutivo

O Honda Civic chega à linha 2020 e apresenta uma nova versão de entrada mais tecnológica, confortável e segura


Honda Civic 2020
Honda Civic 2020

Crédito: Divulgação

Com retoques no visual externo da décima geração, surgida em 2015, o Honda Civic chega à linha 2020. O sedã vem mais tecnológico, incorpora novos equipamentos de conforto e segurança e introduz uma inédita versão de entrada, a LX. Segundo colocado entre os sedãs médios no mercado brasileiro, o Civic teve 15.986 unidades vendidas de janeiro a julho deste ano, com média mensal de 2.283 emplacamentos, quase a metade dos resultados de seu eterno rival, o Toyota Corolla, que vendeu 32.019 exemplares no mesmo período, com média de 4.574 unidades. Com desembarque nas concessionárias durante este mês, o Civic 2020 apresenta a configuração LX, com preço de R$ 97.900. A nova versão se junta à Sport (R$ 104.100), à EX (R$ 107.600), à EXL (R$ 112.600) e à topo de linha Touring (R$ 134.900).

Produzido no Canadá, o esportivo Si não entra no catálogo dos carros fabricados em Sumaré (SP), equipados com motor 2.0 i-VTEC FlexOne com 155 cavalos a 6.300 rotações por minuto e 19,5 kgfm de torque a 4.800 rpm, disponível nas configurações LX, EX, EXL e Sport, e acoplado à transmissão continuamente variável (CVT) com 7 marchas simuladas que podem ser trocadas em “paddles shits” localizados atrás do volante, com exceção à LX. O motor 1.5 de quatro cilindros, da Touring, traz turbo de baixa inércia, injeção direta, variação de tempo de abertura de válvulas e tem potência de 173 cavalos a 5.500 rpm e torque de 22,4 kgfm de 1.700 a 5.500 giros. Esse propulsor é associado a um novo CVT, que entrega ampla potência ao longo de toda a faixa de trabalho do motor.

O design externo do Civic recebeu mudanças pontuais, salientando a sofisticação. Na dianteira, o para-choque tem desenho mais horizontal, com detalhes que deixam o conjunto mais refinado. As versões LX, EX, EXL e Touring têm grade do radiador e molduras laterais do para-choque com acabamento cromado, novas rodas de dez raios de 17 polegadas em grafite brilhante. Atrás, todas as versões receberam um acabamento cromado na parte inferior do para-choque. A EXL e a Touring têm as colunas das portas em preto brilhante. Para reforçar o caráter esportivo, a Sport tem detalhes frontais e nos retrovisores em preto brilhante, um novo aerofólio integrado à tampa do porta-malas e rodas de cinco raios com acabamento diamantado escurecido.

Desde à configuração de entrada, o Civic 2020 oferece um pacote completo de equipamentos no qual se destacam o ar-condicionado digital de duas zonas, o freio de estacionamento eletrônico com função Brake-Hold, o controle de cruzeiro, o botão “Econ” de modo de condução econômico, vidros elétricos com função “um toque” para subida e descida em todas as posições, o sistema de entretenimento (5 polegadas para a LX e 7’’ “touchscreen” com Apple CarPlay e Android Auto para as demais versões) e comandos no volante e câmera para manobras em ré. A Sport passa a contar com o acendimento automático dos faróis de série e recebe o multimídia “touchscreen” de 7 polegadas com conectividade com Apple CarPlay e Android Auto, enquanto a EX amplia seu custo-benefício com a adoção de sistema de áudio com oito alto-falantes, bancos em couro e retrovisor interno fotocrômico.

A EXL incorpora todos os itens e acrescenta novas tecnologias, como o sensor de chuva e o sistema Smart Key, que elimina a necessidade da chave para a abertura e a partida do veículo, agora feita pelo botão Push Start. Outra novidade que aumenta o conforto para os ocupantes da EXL e da Touring é a adição de saídas do ar-condicionado para o banco traseiro. A versão topo de linha reforça seu aspecto superior com equipamentos tecnológicos como o sistema Premium Audio, com 452 watts de potência e dez alto-falantes, incluindo o central e o subwoofer, o sistema de recarga de celulares sem fio no console central, por indução, e o assento elétrico do motorista com ajuste lombar.

O Civic foi desenvolvido para estabelecer um novo padrão de performance dinâmica em seu segmento e para competir com sedãs sofisticados em aspectos-chave como sensação ao volante, precisão de direção, qualidade de rodagem e nível de ruído e vibração. A segurança também é tratada como prioridade pela marca japonesa. Todas as versões têm airbags frontais, laterais e de cortina, controle de tração e de estabilidade VSA (Vehicle Stability Assist), sistema de partida em aclive (HSA), sistema de vetorização de torque baseado em frenagem Agile Handling Assist (AHA), luz de frenagem de emergência, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), disco nas quatro rodas, luzes de circulação diurna (DRL) e lanternas em leds. O Civic 2020 tem opções de cores de acordo com a versão. Para todas, são oferecidos o Branco Tafetá (sólida), o Prata Platinum (metálica), o Preto Cristal (perolizada) e o Branco Estelar (perolizada especial). A LX, a EX, a EXL e a Touring também podem ser nas cores Cinza Barium e Azul Cósmico (metálicas). Nas equipadas com bancos de couro (EX, EXL e Touring), o tom do revestimento interno varia conforme a cor da carroceria.

Comente aqui