Data: 09/10/2019 14:27 / Autor: Daniel Dias / Fonte: Agência AutoMotrix

Carro da década

O Porsche Panamera 10 Years Edition celebra a dez anos de sucesso e inovações do primeiro cupê da marca


Porsche Panamera 10 Years Edition
Porsche Panamera 10 Years Edition

Crédito: Divulgação

Até o início deste século, para os puristas amantes da Porsche, tudo o que não era relacionado estritamente aos esportivos antecessores e herdeiros do 911 era considerado “heresia”. Foi assim com o primeiro SUV da marca alemã, o Cayenne, em 2002, e foi com o Panamera, sete anos depois, o inédito esportivo de quatro lugares com carroceria tipo cupê. Os dois “intrusos” se tornaram grandes sucessos e viraram novas paixões dos puristas, não só na Alemanha quanto no mundo inteiro, com mais de 250 mil unidades vendidas do Panamera em duas gerações (a atual surgida em 2016), sendo sessenta e cinco exemplares neste ano no Brasil, vinte e seis apenas em setembro. Para celebrar a primeira década do modelo – chamado também de “911 dos Homens de Negócios” –, a Porsche criou uma série especial denominada Panamera 10 Years Edition, com itens de série exclusivos. Ainda não há previsão sobre a chegada dessa série especial ao Brasil.

A edição comemorativa do Panamera agrega um conjunto de elementos de conforto e segurança, com faróis em leds matrix PDLS Plus, assistente de mudança de faixa com leitor de sinais de trânsito, ParkAssist com câmara de ré, teto panorâmico, vidros escurecidos, bancos dianteiros Comfort com regulagem elétrica em quatorze posições com aquecimento, emblema Porsche nos apoios de cabeça, nas novas rodas Sport Design de 21 polegadas em ouro branco metálico acetinado e nas portas da frente. O logotipo de aniversário é encontrado ainda no interior, no painel de acabamento do passageiro dianteiro e nos protetores de entrada da porta. O interior foi projetado em couro parcial preto. A costura decorativa em ouro branco cria uma impressão peculiar de alta qualidade. A nova edição de aniversário está disponível na Alemanha para os modelos Panamera 4 e Panamera 4 E-Hybrid e para os derivados do Sport Turismo equipados com os mesmos motores.

O Panamera 10 Years Edition com motor 2.9 biturbo de 330 cavalos pode ser encomendado na Europa a partir de 147.424 euros (cerca de R$ 625 mil). O Sport Turismo com o mesmo propulsor custa a partir de 151.255 euros (R$ 675 mil). A edição de aniversário do Panamera E-Hybrid tem preço de 136.202 euros (R$ 605 mil), enquanto o Sport Turismo começa em 138.543 euros (R$ 615 mil), ambos com motor 2.9 biturbo associado a um elétrico de 100 kW (136 cavalos), com uma potência combinada de 462 cavalos. Os preços mais baixos dos híbridos no Velho Continente e nos Estados Unidos, por exemplo, são devidos aos incentivos oficiais dos governos, algo que não ocorre no Brasil, especialmente com os 100% elétricos.

Com apenas dez anos de estrada, o Panamera já tem uma bela trajetória de pioneirismo e inovações. Como poucos modelos do segmento, o cupê produzido em Leipzig, na Alemanha, desde o início aliou desempenho de um esportivo com a versatilidade e o luxo de sedã de primeira classe. O modelo moldou ainda decisivamente a marca alemã ao longo de seus dez anos como plataforma tecnológica para inovações que foram transferidas depois para outros modelos da Porsche.

Durante mais de setenta anos de história da marca, os engenheiros da Porsche permaneceram alheios a versões de quatro lugares. Embora protótipos como o Tipo 530 baseado no 356, variações alongadas do 928 ou o cupê de quatro portas Tipo 989 não entraram em produção de série. No início dos anos 2000, no entanto, foi tomada a decisão de desenvolver um modelo com “banco traseiro”, com especificações de dinâmica de condução aprimorada, condições de espaço generosas e um visual típico da fabricante esportiva alemã. O primeiro Panamera – com designação interna G1 – estreou oficialmente em 2009, estabelecendo novos padrões em sua classe e uma ampla difusão entre esportividade e conforto. Repleto de inovações tecnológicas, pela primeira vez, um modelo de produção de luxo foi oferecido com transmissão de dupla embreagem e sistema start-stop. A configuração topo de linha do Panamera também introduziu a suspensão a ar com volume de ar adicionalmente selecionável, além de spoiler ajustável e multidimensional e novo display com conceito operacional.

Comente aqui