Data: 11/02/2019 15:11 / Autor: Redação / Fonte: EC São Bernardo

Wagner minimiza defesas e valoriza evolução do Cachorrão

EC São Bernardo enfrenta o Rio Preto, nesta quarta-feira (13), às 19h, no Estádio Anísio Haddad, e duela com o Noroeste, domingo (17), às 11h, no Estádio Alfredo de Castilho.


Wagner
Wagner

Crédito: Brendow Felipe/EC São Bernardo

O EC São Bernardo não conseguiu sair do Estádio do Baetão com a vitória neste domingo (10), pela Série A-3 do Campeonato — empatou com o Primavera, por 1 a 1 —, mas a atuação do goleiro Wagner é motivo de comemoração. O arqueiro, que jogou como titular nos últimos dois jogos, fez pelo menos duas defesas de frente com jogadores adversários e salvou o Cachorrão de um possível revés.

O arqueiro, porém, fez questão de valorizar o trabalho do elenco e já analisar as próximas partidas. "Fiz uma boa defesa ali no final, mas nada fora do normal. Vamos trabalhar com o Galego (técnico interino) para que a gente possa nesses dois jogos fora de casa (Rio Preto e Noroeste) buscar as vitórias. Estamos em constante evolução, ajustamos algumas coisas, nosso time está com outra cara, outra proposta de jogo. Creio que a gente só tem a crescer. É conversar e ajustar os detalhes para continuar nessa caminhada", disse o goleiro, que está emprestado pelo São Caetano.

Wagner, aliás, ainda aproveitou para avaliar o empate com o Primavera e justificar a falta de reação pelo cansaço das equipes. "Minha avaliação é positiva. Acho que nossa equipe no primeiro tempo foi bem, fez o gol. Só que no início do segundo tempo o time deu uma caída. Não soubemos sofrer um pouco da pressão do Primavera, já que tomamos o gol. Depois ficamos com um jogador a menos e as duas equipes já estavam esgotadas fisicamente. Faltou força para buscar o segundo gol", completou.

Com o resultado, o Cachorrão ocupa a nona colocação da Série A-3, com sete pontos, um atrás de Barretos, primeiro time do G-8. Agora o clube viaja para fazer mais dois jogos fora de casa.

Comente aqui