Data: 12/04/2019 20:06 / Autor: Humberto Domiciano / Fonte: PMSBC

Em 2ª edição, Programa Emprega São Bernardo vai capacitar 306 pessoas

Prefeito Orlando Morando realizou palestra nesta sexta-feira, durante aula inaugural. Programa oferece cursos de Formação Básica em diversas áreas facilitando a inserção no mercado


Crédito: Omar Matsumoto\PMSBC

Estímulo à qualificação profissional e ao empreendedorismo é a principal proposta do programa Emprega São Bernardo, que teve, nesta sexta-feira (12/04), sua aula inaugural, realizada na Faculdade de Direito de São Bernardo.

O prefeito Orlando Morando participou do evento e realizou palestra para os 306 ingressantes nos cursos disponibilizados na segunda edição. “Não existe patrimônio maior do que a preparação e qualificação para o mercado de trabalho. A Prefeitura está fazendo um investimento importante com responsabilidade e oferecendo oportunidades para que as pessoas consigam o tão sonhado emprego. Estamos começando a sair da crise e quem estiver preparado sai na frente”, afirmou.

Desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho e Turismo em parceria com o Senac e o Senai, o Emprega São Bernardo oferece cursos de Formação Básica em Confeitaria, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Operações em Logística, Design de Sobrancelhas, Excel 2016, Pizzaiolo, Montador de Móveis, Técnicas de Manicure e Pedicure e Web Designer, além de workshops e oficinas que possibilitam a prática imediata, facilitando a inserção no mercado de trabalho.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, Hiroyuki Minami, o programa também estimula o empreendedorismo. “É uma iniciativa que gera oportunidades e também oferece orientações importantes para quem tem o projeto de iniciar o seu próprio negócio”, comentou.

REPERCUSSÃO
Lindomar Mota, de 51 anos, fez o curso de Açougueiro na edição de 2018 do programa e destacou as qualidades da aulas oferecidas. “Tive um aprendizado de qualidade, que abriu muitas portas na minha área. Achei importante que o curso também teve um olhar para a forma de procurar emprego. Aprendi a fazer um currículo e como se portar em uma entrevista”, comemorou o profissional, que já conseguiu um estágio em um restaurante.

No ano passado, a Prefeitura ajudou na formação de mais de 800 profissionais para o mercado de trabalho e empreendedores.

ESTÍMULOS
De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), entre janeiro de 2017 e fevereiro de 2019, a cidade gerou quase 2 mil postos de trabalho.

Crédito: Omar Matsumoto\PMSBC

Comente aqui