Data: 02/02/2013 15:37 / Autor: Fabiana Chiachiri / Fonte: SECOM PSA

Santo André é escolhida para a primeira Operação Força Total Integrada

Ação realizada pelo Comando de Policiamento de Área Metropolitano 6 (CPAM-6) contou com apoio de 25 viaturas da Guarda Civil Municipal

Viaturas da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal partem do Paço de Santo André para Operação Força Total Integrada
Viaturas da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal partem do Paço de Santo André para Operação Força Total Integrada

Crédito: Diego Barros/PSA

Santo André foi a primeira cidade escolhida do Grande ABC para participar da Operação Força Total Integrada. A ação, realizada pelo Comando de Policiamento de Área Metropolitano 6 (CPAM-6), contou com apoio da Guarda Civil Municipal, que disponibilizou 29 homens, sendo 21 em motocicletas do programa Romo (Ronda Operacional com Motocicleta) e oito em viaturas setoriais. Além disso, o Departamento de Segurança de Trânsito auxiliou no bloqueio do trânsito para a saída das viaturas.

O prefeito Carlos Grana foi o responsável em dar o start na operação, que saiu do Paço Municipal e percorreu toda a cidade. “Santo André precisa mostrar que os segmentos de segurança estão integrados. Esse tipo de ação é de extrema importância para a região”, disse o chefe do Executivo.

A ação, que deverá se estender para outras cidades da região nas próximas semanas, contou com efetivo de mais de 250 homens, entre policiais militares, guardas municipais e policiais rodoviários. Foram destacados mais de 100 viaturas, entre veículos de quatro rodas e motocicletas.

A Operação Força Total Integrada tem como objetivo a prevenção e repressão imediata ao roubo e furto de veículos e combate ao tráfico de entorpecentes de modo a restaurar a percepção de segurança por parte dos cidadãos do Grande ABC. A ação terá apoio da Rocam (Rondas Ostensivas com Auxílio de Motocicletas), Força Tática, Policiamento Rodoviário e Rota (Rodas Ostensivas Tobias de Aguiar).

Para o comandante do CPAM-6, coronel Mauro Cezar dos Santos Ricciarelli, que assumiu o posto no início desta semana, essa será uma das estratégias utilizada para combater o crime na região. “Nossa orientação é que sejam feitas abordagens em todos os suspeitos, explicando o motivo da ação. As delegacias da cidade estão de prontidão para qualquer tipo de ocorrência”, afirmou.

Sobre a Secretaria de Segurança Pública Urbana e Trânsito

A Secretaria de Segurança Pública Urbana e Trânsito tem como objetivo coordenar as políticas públicas municipais de segurança e trânsito, buscando a prevenção primária da criminalidade e violência urbana, e ainda, reduzir o índice de criminalidade e mediação de conflitos, proteger os bens, serviços e instalações municipais.

A pasta tem como órgãos subordinados o Departamento da Guarda Municipal, que conta com efetivo de 746, sendo 627 guardas e 119 seguranças patrimoniais, além de 87 viaturas; o Departamento de Segurança de Trânsito, que tem 75 agentes e 62 veículos; o Departamento de Planejamento e Operações de Segurança, o Departamento de Articulação de Políticas de Segurança, a Assessoria Especial de Articulação de Políticas de Prevenção à Violência Urbana, a Corregedoria da Guarda Municipal, o Gabinete de Gestão Integrada Municipal e a Supervisão da Junta do Serviço Militar.

Prefeito Carlos Grana cumprimenta efetivo da Guarda Civil Municipal antes de iniciar Operação Força Total Integrada
Prefeito Carlos Grana cumprimenta efetivo da Guarda Civil Municipal antes de iniciar Operação Força Total Integrada

Crédito: Diego Barros/PSA

Comente aqui

Comentários via Facebook. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta do Facebook poderá ser banida. Comentários não expressam a opinião do Portal ABCdoABC