Data: 25/08/2017 17:56 / Autor: Marcos Imbrizi / Fonte: Secom PSA

Espaço de Arte Contemporânea de Santo André é aberto ao público

Pinacoteca está instalada na Sabina Escola Parque do Conhecimento. Obras de Luiz Sacilotto, Edson Lourenço, Sandra Cinto e Giovani Caramello estão expostas na primeira exposição


Simone Zárate e Paulo Serra
Simone Zárate e Paulo Serra

Crédito: Ricardo Trida/PSA

A Sabina Escola Parque do Conhecimento passou a contar com mais uma atração. Foi aberto nesta sexta-feira (25) o Espaço Permanente do Acervo de Arte Contemporânea – Pinacoteca de Santo André. O local apresentará exposições de obras que compõem o patrimônio artístico cultural formado ao longo dos últimos 40 anos.

Presente à cerimônia de inauguração, o prefeito Paulo Serra elogiou a iniciativa e lembrou a importância cultural que a cidade tem. “A Sabina é um equipamento importante que poucas cidades têm e que conseguimos reabrir. A abertura deste espaço do acervo de arte contemporânea é um importante passo neste sentido”, disse.

A secretária de Cultura, Simone Zárate, comentou a importância da parceria com a Secretaria de Educação, responsável pela Sabina. “Com este espaço o acervo passa a fazer parte do cotidiano das crianças e dos frequentadores da Sabina”, avaliou. Ainda de acordo com a secretária, em breve também serão montadas exposições itinerantes do acervo.

De acordo com os responsáveis pela Pinacoteca, a maior parte do acervo é composta por obras premiadas no Salão de Arte Contemporânea, que acontece todos os anos nos meses de abril e junho, como parte do calendário de aniversário da cidade. O segundo núcleo que integra o acervo é formado pelas obras premiadas na Bienal de Gravura de Santo André, que teve cinco edições entre os anos de 2001 e 2010. O terceiro e último núcleo é composto por doações feitas pelos próprios artistas.

Primeira exposição – A primeira exposição do Espaço de Arte Contemporânea - Pinacoteca procura apresentar esta diversidade na origem da formação da coleção. No total, são 47 obras de 32 diferentes artistas. Uma questão que também orientou a curadoria foi a busca por evidenciar as técnicas artísticas, com situações mais claramente definidas com pintura, gravura e fotografia, e partindo para o campo das experimentações que fogem das definições mais elementares, como a técnica mista e instalações.

Como os artistas representados na coleção são de todo o Brasil, procurou-se ainda destacar a presença de artistas de Santo André e do ABC. Estão representadas na Pinacoteca quatro gerações de artistas andreenses: Luiz Sacilotto (1924-2003), Edson Lourenço (1955), Sandra Cinto (1968) e Giovani Caramello (1990).

A Pinacoteca estará aberta ao público a partir deste fim de semana. As visitas poderão ser feitas no horário de funcionamento da Sabina, sábados, domingos e feriados, das 9h30 às 17h30. Os monitores que atuam na Sabina passaram por uma capacitação para a integração do novo espaço nas visitas guiadas.

O ingresso na Sabina é gratuito para alunos e professores das escolas municipais de Santo André, para crianças menores de 5 anos e pessoas com deficiência. Para os demais visitantes, o ingresso custa R$ 20, com meia-entrada para estudantes, professores, servidores públicos andreenses, aposentados e idosos acima de 65 anos. Mais informações pelo telefone 4422-2000.

SABINA - A Sabina Escola Parque do Conhecimento de Santo André é um espaço dedicado ao ensino de ciências e de artes de uma forma leve e divertida, repleta de interatividade. Tem como missão ser um laboratório para escolas municipais, bem como as estaduais e particulares, mas no final de semana é a vez do público espontâneo conferir e aproveitar o acervo da Sabina.

O pavilhão de 11 mil m² abriga, por exemplo, um pinguinário, um tanque com tubarão, raias e moréias, além de mais de 150 equipamentos e experimentos na área da física, química e biologia, uma réplica em tamanho natural do esqueleto de um Tyranossauro Rex, bem como o mais moderno planetário do País. Interessados em assistir a uma das sessões do Planetário e Cinedome de Santo André - Johannes Kepler pagam R$ 30, a inteira, com direito a passeio por toda a Sabina. O endereço é Rua Juquiá, s/nº, Vila Eldízia (entrada na altura do nº 135).

Crédito: Ricardo Trida/PSA

Comente aqui