Data: 22/03/2019 12:07 / Autor: Redação / Fonte: Prefeitura de Ribeirão Pires

Ribeirão Pires promove formação sobre Epilepsia e Convulsões

Capacitação foi desenvolvida para reforçar o trabalho dos Professores de Apoio à Inclusão (PAI)


Atividade do Programa de Formação Continuada com o tema “Epilepsia e Convulsões”.
Atividade do Programa de Formação Continuada com o tema “Epilepsia e Convulsões”.

Crédito: PMETRP

A  Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio da Secretaria de Educação, promoveu na quarta-feira, 20 de março, atividade do Programa de Formação Continuada com o tema “Epilepsia e Convulsões”. A ação foi desenvolvida pelas orientadoras pedagógicas do Núcleo de Educação Especializada da SEDUC.

Participaram da capacitação os Professores de Apoio à Inclusão (PAI) para fortalecerem o trabalho de atenção pedagógica aos 250 alunos com necessidades educacionais especiais matriculados na rede municipal.

O objetivo do encontro foi  orientar sobre as características da doença e suas manifestações, primeiros-socorros em caso de crise, mas também discutir atitudes positivas para evitar estigmas e fortalecer a autoconfiança de crianças com epilepsia. “O que é, saber como se manifesta e como socorrer uma criança no meio de uma crise são ações necessárias aos profissionais das escolas”, afirmou a secretária de Educação, Flávia Banwart.

A epilepsia é uma doença neurológica crônica caracterizada por crises epilépticas, que ocorrem devido a uma atividade excessiva das células cerebrais. A causa mais comum de epilepsia em todas as idades é a genética.

O Programa de Formação Continuada acontece semanalmente no Centro de Formação dos Profissionais da Educação (CEFORPE) com gestores e professores de diferentes disciplinas. Trata-se de umas das metas da Gestão de proporcionar aos gestores e professores atualização, reflexão, troca de experiências e ampliação de conhecimentos.

Comente aqui