Data: 13/02/2017 17:35 / Autor: Renata Nascimento / Fonte: PMD

Diadema entrega 18 mil uniformes na primeira semana de aula

Aproximadamente 18 mil estudantes de 37 escolas da rede municipal de Diadema receberam o uniforme escolar na primeira semana do ano letivo


kit de uniforme escolar de Diadema
kit de uniforme escolar de Diadema

Crédito: Thiago Benedetti

A expectativa é que até o final da próxima semana, todas as escolas tenham sido contempladas.

Cada kit contém uma blusa, uma calça, uma bermuda, duas camisetas de manga curta, uma camiseta de manga longa, dois pares de meia e um par de tênis. Para as crianças menores, atendidas na creche, o tênis possui fechamento com velcro. Já para os maiores, o cadarço é a opção.

O uniforme destinado aos pequenos da creche também possui algumas características especiais. Uma delas é a blusa com capuz e a presença de dois botões de pressão na gola das camisetas, que facilitam a colocação e troca da roupa na criança. As meias também ganharam antiderrapante, trazendo mais conforto e segurança. “Algumas atividades lúdicas são realizadas em colchonetes ou piso com E.V.A e o antiderrapante vai evitar que a criança caia ou escorregue durante a brincadeira. Quando foi feita a licitação, pensamos no conforto do aluno, na qualidade e na durabilidade do produto oferecido”, afirmou a secretária de Educação, Tatiane Ramos.

Ela ainda ressalta que o uniforme possui um valor pedagógico dentro do ambiente escolar. “O uniforme escolar traz a marca da equidade na escola, uma vez que as pessoas são respeitadas em sua individualidade, ao mesmo tempo que têm a igualdade assegurada pelo uniforme, aprendendo a lidar com valores fundamentais como tolerância, respeito, ética, oportunidades iguais, segurança e coletividade, o que contribui para a humanização das relações sociais e interpessoais” destaca a secretária.

“Estou muito feliz com a entrega dos uniformes e satisfeita com a escola e o ensino”, elogiou Samara Machado Santos, da mãe de Gabriela, aluna da EMBE José Bento Monteiro Lobato.

O uniforme também representa uma economia dentro de casa. “Ajuda bastante. O uniforme se torna muito útil porque não preciso ficar usando roupas de casa ou para sair, para levar meu filho para a escola”, afirmou Lúcia Reno, mãe de Raquel, aluna da EMEB Santo Dias da Silva.

“O tênis está mais bonito e a qualidade da camiseta também é melhor. Com o zíper na blusa, ele tem autonomia para abrir sozinho a blusa, quando tiver calor. Além disso, é importante usar o uniforme para identificar que o aluno é da escola municipal”, lembrou a Eliane Lima dos Santos, mãe de Miguel, também aluno da EMEB Santo Dias da Silva.

Atraso
Em 2016, devido a mudanças na legislação para compra do uniforme escolar, houve um atraso que impediu a entrega dos uniformes. “Fizemos todas as adequações, primando pela qualidade e garantindo um valor abaixo do que foi pago nos anos anteriores”, reforçou o prefeito Lauro Michels.

A Administração iniciou o processo de compra do uniforme escolar em novembro de 2015 para entregá-lo no início do período letivo de 2016. Entretanto, o Tribunal de Contas, durante o processo, mudou as regras de licitar uniformes em todos os municípios do Estado de São Paulo, determinando que os tênis deveriam ter um processo separado dos demais itens do uniforme. A Prefeitura de Diadema fez as adequações o mais rápido possível, seguindo essas novas orientações. A nova licitação foi realizada em agosto de 2016, o que ocasionou o atraso na entrega das peças.

A primeira escola a receber os uniformes foi a EMEB Maria Clara Jacob Machado (creche Ilhéus), em 3 de fevereiro deste ano. Para a próxima semana, estão previstas entregas em 40 escolas, finalizando a entrega dos uniformes referentes a 2016. A partir de março será entregue os uniformes referentes a 2017, assim, o estudante terá à disposição dois kits.

Manutenção
Durante a entrega de uniformes na EM Inspetor Reinaldo José Santana (Piró), o prefeito de Diadema, Lauro Michels, ressaltou as mudanças logo no início da gestão. “Seus filhos passam a maior parte do tempo na escola e é importante ter um ambiente adequado. Agora, a Prefeitura conta com uma equipe de manutenção própria com engenheiro, pedreiro, azulejista, eletricista, entre outros profissionais, para fazer os reparos necessários de infraestrutura das 64 escolas municipais”, informou. O chefe do executivo ainda pediu a colaboração da comunidade para zelar e cuidar do ambiente escolar. “Peço que denunciem se alguém depredar ou vandalizar a escola. O povo unido consegue bons resultados”, pontuou.

Comente aqui