Data: 19/11/2017 09:30 / Autor: Redação / Fonte: Sesi-SP

Sesi-SP vence o Vôlei Renata no Taquaral

Equipe da capital paulista venceu o adversário por 3 sets a 1 na noite deste sábado (18), garantindo mais três pontos na Superliga masculina 2017/18


Alan, ganhador do troféu VivaVôlei, certeiro no ataque
Alan, ganhador do troféu VivaVôlei, certeiro no ataque

Crédito: Amanda Demétrio/Sesi-SP

A noite deste sábado (18) era de clássico paulista na Superliga masculina 2017/18, e assim se fez. Jogando fora de casa, no ginásio do Taquaral, o time de vôlei do Sesi-SP suou a camisa no terceiro set, mas conseguiu manter a sequência de vitórias ao superar o Vôlei Renata. O placar de 3 sets a 1 (25/18, 25/18, 28/30, 25/12), rendeu para o time da Vila Leopoldina a vice-liderança com 18 pontos.

Importante para a sequência na competição nacional, o resultado positivo no clássico paulista, mantem os comandados do técnico Rubinho entre os primeiros colocados. Para o oposto Alan, ganhador do troféu VivaVôlei e maior pontuador da partida com 23 acertos, o time entrou bem, soube administrar a partida, mas sentiu um pouco de afobação na terceira parcial.

 “O jogo foi muito bom, entramos bem, pontuamos e me senti bem em quadra. No terceiro set sentimos mais, um grupo ficou afobado e com os erros ficamos atrás. Conseguimos recuperar, mas precisamos ficar de olho nisso, corrigir esses momentos”, comentou o camisa 1.

Após vencer em casa contra o Montes Claros na última rodada, o Sesi-SP manteve o bom entrosamento e conquistou mais uma vitória e aumentou ainda mais o retrospecto positivo contra os rivais. Desde a temporada 2010/11, quando o Sesi-SP se sagrou campeão pela primeira vez da Superliga, foram dezoito duelos, com doze vitórias do time da capital, sendo quatro válidas pela fase dos playoffs.

Com muita chuva em Campinas, a partida começou com duas interrupções para controle das goteiras. E, mesmo com a quebra de ritmo e aquecimento, o Sesi-SP conseguiu ditar o ritmo do jogo. Na frente do marcador nas duas primeiras parciais, o time da capital paulista impôs respeito. Lipe, Douglas e Alan foram os nomes mais acionados pelo levantador William durante os sets. Correspondendo a altura, os atacantes ainda foram felizes no bloqueio, ajudando o grupo no resultado.

Mesmo atrás por dois sets a zero, o time da casa não desanimou. O Vôlei Renata aproveitou o apoio da torcida, que mesmo com a forte chuva, compareceu ao ginásio do Taquaral e arrancaram alguns pontos do Sesi-SP. Rodriguinho, além de ser o homem da distribuição das jogadas, deu trabalho no saque, anotando dois aces diretos. Vini e Diogo não ficaram por baixo e voaram no ataque, dificultando a vida da defesa da capital. No quarto e último set, Salsa tentou, pontuou, mas os erros cometidos pelos companheiros, acabou favorecendo o grupo do Rubinho. O Sesi-SP desperdiçou poucas bolas, recuperou os pontos perdidos e levou a melhor.

O Sesi-SP entrou em quadra com o levantador William, o oposto Alan, os centrais Lucão e Gustavão, os ponteiros Douglas e Lipe e o líbero Pureza. Entraram Aracaju, Franco e Evandro.

O próximo compromisso do grupo da capital paulista está marcado para o próximo sábado, dia 25 de novembro, às 21h30, no ginásio Ponte Grande, contra o Corinthians/Guarulhos. A partida será transmitida ao vivo pelo Sportv.

Lipe e Gustavão, suor e comemoração
Lipe e Gustavão, suor e comemoração

Crédito: Amanda Demétrio/Sesi-SP

Comente aqui