Data: 26/07/2013 14:42 / Autor: Redação / Fonte: Secom SP

Alckmin amplia HSPE e anuncia "Hospital Amigo do Idoso”

Reforma de R$ 146,7 milhões no Hospital do Servidor Público Estadual irá aprimorar estrutura e assistência aos pacientes do Iamspe

A cidade de São Paulo ganhará o primeiro “Hospital Amigo do Idoso” da América Latina. O anúncio foi feito pelo governador Geraldo Alckmin nesta sexta-feira, 26, durante solenidade que marcou o lançamento da maior reforma e ampliação da história do Hospital do Servidor Público Estadual (HSPE).

O governo do Estado está investindo R$ 146,7 milhões no projeto, coordenado pelo Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual (Iamspe). Localizado na zona sul da capital paulista, o hospital se tornará a unidade de referência nacional em assistência médica multidisciplinar a pacientes idosos.

Hoje, o Iamspe atende 10% da população com 60 anos ou mais de todo o Estado de São Paulo, e 60% dos pacientes internados no HSPE são idosos. O Instituto já desenvolve projetos voltados a essa faixa etária, a exemplo do Programa de Gerenciamento de Pacientes Crônicos, que beneficia 27 mil pessoas em todo o Estado, o Prevenir Iamspe, o Programa de Atenção ao Idoso (PAI) e uma enfermaria de Cuidados Paliativos, pioneira no Brasil.

O novo pronto-socorro adulto terá características especiais para atendimento à população idosa, incluindo adequação de consultórios e área física com dimensões de acessibilidade, além de equipe multidisciplinar capacitada para assistência às pessoas com 60 anos ou mais e fluxo de atendimento respeitando os critérios de classificação de risco.

Já o Centro de Promoção e Proteção à Saúde do Idoso contará com serviço de reabilitação física e social para a promoção do envelhecimento saudável. Também abrigará área de lazer e convivência, cozinha experimental e um anfiteatro para 420 pessoas, com acesso independente que possibilitará a entrada de recursos adicionais para o Instituto.

Com as obras, o Centro de Oncologia do hospital terá capacidade operacional ampliada em 25%, passando a realizar cerca de 14,3 mil procedimentos por ano. O número de leitos de UTI Adulto será ampliado, passando dos atuais 52 para 78. Ainda fazem parte do projeto uma nova área da Central de Esterilização de Materiais e um novo Centro de Diagnóstico por Imagem.

O Centro de Diagnóstico por Imagem realiza atualmente 30 mil exames/mês. A modernização das instalações e a melhoria no fluxo de atendimento permitirão aumentar a produção em 20%.

As fachadas do HSPE passarão a ser ventiladas em cerâmica e brises, proporcionando economia com climatização e conforto térmico. A reforma também garantirá maior confiabilidade para o funcionamento de áreas que não podem estar sujeitas a interrupções de energia, como Centros Cirúrgicos e UTIs.

A reforma do HSPE faz parte do Programa de Modernização do Iamspe (PMI), que prevê um novo modelo de assistência médica, mais completa e ao mesmo tempo descentralizada para os usuários da instituição.

O hospital funcionará normalmente no período de reforma e ninguém ficará sem assistência. O Iamspe credenciou mais hospitais na capital e Grande São Paulo para receber os servidores e seus dependentes, se necessário. Neste caso, a regulação das vagas será feita pelo próprio Instituto.

Todos os setores do Iamspe estão trabalhando para garantir ao usuário o mesmo atendimento de qualidade durante as obras, de modo que os pacientes continuem sendo atendidos normalmente no período de reforma. Pontualmente, poderá ocorrer de os pacientes serem transferidos para outra ala, enquanto determinado setor é reformado.

 “Esta obra é fundamental para modernizar o hospital, garantindo as condições ideais de atendimento a todos os pacientes e adequando a unidade ao perfil do público atendido. É uma importante intervenção em um hospital de mais de meio século e que presta um inestimável serviço aos servidores estaduais”, afirma Latif Abrão Junior, superintendente do Iamspe.

Atualmente, o Hospital do Servidor Público Estadual conta com cerca de 1.000 médicos em 43 especialidades, além de 2.271 enfermeiros e técnicos de enfermagem e 336 residentes médicos.

Iamspe
O Iamspe, autarquia vinculada à Secretaria de Gestão Pública, tem hoje uma das maiores redes de atendimento em saúde para funcionários públicos do país.   

Além do Hospital do Servidor Público Estadual, na capital paulista, possui 17 postos de atendimento próprios no interior, os Centros de Assistência Médico-Ambulatorial (Ceamas), e disponibiliza assistência em mais de 100 hospitais e 130 laboratórios de análises clínicas e de imagem credenciados pela instituição, além de 3.000 médicos em 200 cidades paulistas

Comente aqui

Comentários via Facebook. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta do Facebook poderá ser banida. Comentários não expressam a opinião do Portal ABCdoABC